quarta-feira, 13 de abril de 2011

Edema


O edema é uma condição de inchaço devido à anormal acumulação de líquido nas células. Pode ocorre em qualquer parte do corpo. No entanto, os locais mais comuns são a face, membros inferiores e abdómen.

Tem diferentes etiologias e várias tipologias, fazendo isto variar o seu tratamento.

É de considerar a alimentação desequilibrada, excesso ou pouco trabalho, excesso de actividade sexual, a debilidade constitucional, estilo de vida...

Os principais órgãos responsáveis pela gestão dos líquidos corporais são o Pulmão, Baço e Rim. Dependendo e influenciando-se uns aos outros, a debilidade de um pode trazer sobrecarga ao outro debilitando e assim sucessivamente.

Os casos agudos estão associados ao Pulmão e Baço e a causas externas (vento, frio, calor, humidade). Enquanto que os casos crónicos estão mais associados ao Baço e Rim e a causas internas.

Aqui apresento os principais síndromes com os principais sintomas

1. Invasão de Vento: Edema generalizado, predominante na face e parte superior e apresenta aversão ao vento

a) Invasão de Vento e calor: Febre, Dor garganta,Oligúria
b) Invasão de Vento e frio: Calafrios e febre ligeira, Tosse.

2. Retenção de Humidade (líquidos):

a) Humidade combinada com uma deficiência nas funções do Baço: Edema generalizado, em especial nas pernas, Oligúria, Sensação de peso no corpo, Cansaço, Plenitude no tórax, Distensão abdominal, Pouco apetite, Enjoo, fezes moles ou pastosas.

b) Humidade combinada com calor: Sede, Obstipação ou diarreia explosiva e mal cheirosa, Sensação de calor.

3. Estagnação de Qì e Sangue: Edema em especial no abdómen e pernas, Distensão abdominal, Frustração, pode ter enjoo, irritabilidade, dor. Pode haver ainda vazio de Qì e aí junta-se o cansaço, piora com esforço físico.

4. Vazio Yang Baço e Rim: Edema em especial no abdómen e pernas, Distensão abdominal, Pouco apetite, Fezes pastosas, Face pálida, Frio nas extremidades, lombar e abdómen, Cansaço e sensação de peso, Lombalgia, Preocupação, falta de vontade.


Alguns alimentos que podem ajudar:

Brotos de bambu, beringela (cortar e colocar a secar. depois moer e, a cada refeição, tomar uma colher de chá juntamente com água morna, 3 vezes ao dia), algas (Mu Er, kombu, spirulina, nori...), abóbora (chá de casca de abóbora; cozer e juntar vinagre e molho de soja e comer), inhame, côco, melancia (no verão), milho, farelo de arroz, feijão azuki, feijão mung, feijão, amendoim, carne de vaca, gengibre, amora, pêssego, tangerina, aipo, cebola, alho, espinafre, trigo, cevada, cenoura, aveia.

Receitas:

1. Sumo de maçã, cenoura e cebolinho - tomar 2 vezes ao dia.
2. Cozinhar carpa com feijão azuki, em forma de sopa. Coloque 10 copos de água e cozinhe até só ter um copo. coma os alimentos e tome o líquido.
3. Chá de genbibre
4. cozinhe cevada, feijão mong, feijão azuki em sopa e consumir três vezes ao dia.

Relativamente aos alimentos acima mencionados, tenha atenção ao seguinte: se é friorenta(o) e engorda facilmente mesmo sem comer nada, evite os alimentos frios como a melancia, beringela, aipo, bambu.

Fórmulas Chinesas (algumas):

Zi Sheng Tang, Xiang Sha Liu Jun Zi Tang, Liu Jun Zi Tang, Shan Zha Xiao Hui Xiang fang,